terça-feira, 5 de março de 2013

Imagem: Ness Forest 2013


Poucas palavras são piores que o silêncio... está destacado nas entrelinhas o ninho de aromas vazios.
 O egoísmo e a falta também comparecem, cortando aos poucos os laços e deixando um rastro de ilusões. 
... o lápis está sem ponta, o apontador está do lado, mas...  prefere deixar assim, pois fazer jogos com o que restou das palavras deve ser mais fácil do que ar[riscar].

- não fazia falta a falta, voltou apenas para assombrar (sem sombrear) .
                                 



Visitas

Web Statistics