domingo, 18 de novembro de 2012

Imagem: Ness Forest 2012


Me auto-sugestionei a deixar voar palavras cortantes para longe do meu conhecimento
Congestionados riscos e círculos no âmbito de uma caixa retangular
Num dia chuvoso, observando as gotas na janela, bispei uns preciosos sentimentos
Por consequência, o brio surgiu, cerúleo.

O constante ato de capear a beleza do conhecimento, atrasa, enlouquece, abusa do esquecimento
Denego a alguns pedidos soltos em minha memória, não passam de chispas carregadas de amargura
Uma leve algesia teria me salvo da  rasteira do desamor, confesso, foi necessário, apesar da dor invasora. 

Propalar sobre sentimentos ainda é visto como sendo parte de um clã de tolos 
Caso fosse, não o trocaria por uma sala branca, vazia e cheia de cérebros enlatados, pertecentes a soberba 
Alimentar-se do selo sinuoso, afeta a liberdade dos mais solícitos e inebriantes desejos.


- Ness Forest 

     
                                                                                                      

Visitas

Web Statistics