domingo, 18 de julho de 2010


Uma gota d'água para dar inicio a chuva
Notas musicais para alegrar um coração
Olhares ao encontro do encanto.

Uma semente enterrada
A chuva a matar tua sede
Força para germinar.

Folhas a surgir
A água é teu alimento
A Terra molhada tua vestimenta.

Barulhos de confusão
Pés sem piedade
Ar corrompido.

A pureza se esvaiu em minutos
Já não enxergava mais a pureza
O ''sucesso'' egoísta assim venceu.

O silencio amargo tomou conta daquele ambiente,
onde antes era habitado por raras melodias.


Imagem: ThisYearsGirl
Texto: Ness Forest

Visitas

Web Statistics