segunda-feira, 28 de junho de 2010

Sara Bareilles - One Sweet Love

[Especialmente para Neo]



One Sweet Love

Just about the time the shadows call
I undress my mind and dare you to follow
Paint a portrait of my mystery
Only close my eyes and you are here with me
A nameless face to think I see
To sit and watch the waves with me till they're gone
A heart I'd swear I'd recognize is
Made out of my own devices....could I be wrong?

Time that I've taken
A pray is not wasted
Have I already tasted my piece of
One sweet love?

Sleepless nights you creep inside of me
Paint your shadows in the breath that we share
You take more than just my sanity
You take my reason not to care.
No ordinary wings I'll need
The sky itself will carry me back to you
Things I dream that I can do
I'll open up the moon for you
Just come down soon

Time that I've taken
A pray is not wasted
Have I already tasted my piece of
One sweet love?
Ready and waiting
For a heart worth the breaking
But I'd settle for an honest mistake in the name of
One sweet love

Savor the sorrow to soften the pain
Sip on the southern rain, as I do
I don't look don't touch don't do anything
But hope that there is a you.

The earth that is the space between
I'd banish it from under me...to get to you.
An unexpected love provides
My solitary's suicide...oh I wish I knew

Time that I've taken
A pray is not wasted
Have I already tasted my piece of
One sweet love?
Ready and waiting
For a heart worth the breaking
But I'd settle for an honest mistake in the name of
One sweet love
One sweet love

Um Doce Amor

Bem na hora em que as sombras chamam
Eu dispo minha mente e me atrevo a seguí-lo
Pinto um retrato do meu mistério
Apenas fecho meus olhos e você está aqui comigo
Um rosto sem nome para pensar que vi
Para sentar e observar as ondas comigo até que elas vão embora
Um coração que eu juro que reconheceria é
Feito pelos meus proprios artifícios.... eu poderia estar errada?

O tempo que eu tenho levado
Rezo para que não seja desperdiçado
Eu já provei o meu pedaço de
Um doce amor?

Noites sem dormir que você arrasta dentro de mim
Tecem suas sombras na respiração que partilhamos
Você leva mais que minha sanidade
Leva meu motivo para não me importar
Não vou precisar de ordinárias asas
O céu, por ele mesmo, me levará de volta até você
Coisas que eu sonho que posso fazer
Eu vou abrir a Lua para você
Apenas desça logo

O tempo que eu tenho levado
Rezo para que não seja desperdiçado
Eu já provei o meu pedaço de
Um doce amor?
Pronta e esperando
Por um coração que valha a pena a fratura
Mas eu me conformaria com um erro honesto, em nome de
Um doce amor

Aprecie a tristeza para amenizar a dor
Beba da chuva do sul, como eu faço
Eu não olho, não toco, não faço nada
Mas espero que haja um você

A Terra que é o espaço no meio
Eu a baniria de debaixo de mim... para chegar até você
Um amor inesperado concede
Meu solitário suicídio... eu gostaria de ter sabido

O tempo que eu tenho levado
Rezo para que não seja desperdiçado
Eu já provei o meu pedaço de
Um doce amor?
Pronta e esperando
Por um coração que valha a pena a fratura
Mas eu me conformaria com um erro honesto, em nome de
Um doce amor
Um doce amor


Fonte: letras.terra.com.br


Visitas

Web Statistics